Centro de Documentação Histórica do Itamaraty

Área de identificação

Identificador

RJCDHI

Forma autorizada do nome

Centro de Documentação Histórica do Itamaraty

Forma(s) paralela(s) de nome

  • Centro de História e Documentação Diplomática

Outra(s) forma(s) do nome

  • CHDD

Tipo

Área de contato

Tipo

Endereço

Endereço

Av. Marechal Floriano, 196 - Centro

Localidade

Rio de Janeiro

Região

Rio de Janeiro

Nome do país

Brasil

CEP

20080-005

Telefone

55 21 2253-5720

Fax

Nota

Área de descrição

História

Contexto cultural e geográfico

Mandatos/Fontes de autoridade

Guarda, a gestão e a divulgação do acervo documental da diplomacia brasileira.

Estrutura administrativa

Vinculação Administrativa: Ministério das Relações Exteriores.

Políticas de gestão e entrada de documentos

Prédios

Acervo

É constituído de fundos e coleções particulares, que compõem os acervos - arquivísticos, bibliográficos, cartográficos e iconográficos - e documentam tanto as relações diplomáticas do Brasil, quanto registram as atividades do Ministério das Relações Exteriores no seu relacionamento com os diferentes setores da administração pública brasileira.
O período de abrangência dos acervos constituintes do Centro de Documentação Histórica do Itamaraty no Escritório de Representação no Rio de Janeiro (ERERIO), vai de 1808 a 1959. Período em que a cidade do Rio de Janeiro foi sede, do Império Português& nbsp;e posteriormente capital do Brasil, origem de toda a atividade diplomática. No entanto o acervo remonta a meados do século XVI.
A partir de 1960, apos a transferência da capital federal, a documentação ali produzi da e acumulada encontra-se depositada no Centro de Documentação do Ministério das Relações Exteriores em Brasília.

Instrumentos de pesquisa, guias e publicações

Área de acesso

Horário de funcionamento

A consulta ao acervo é feita por agendamento prévio.

Condição de acesso e uso

A pesquisa nos Arquivos do Itamaraty é gratuita e aberta ao público em geral, sendo necessário agendamento e disponibilidade prévia. Da solicitação deverá constar:

Período histórico a ser pesquisado (meses e anos).
Tipos de documentos que serão objetos da pesquisa: Telegramas, Despachos Telegráficos, Ofícios, Memorandos, Notas Verbais etc.
Posto(s): informar Embaixadas, Consulados, Missões e/ou Delegações cujos documentos serão consultados.
Grau de sigilo dos documentos desejados.

A documentação entre 1970 e 1989 encontra-se microfilmada. A leitora de microfilmes está disponível para uso do público, igualmente mediante agendamento prévio.

A solicitação de acesso às informações será avaliada observando-se as disposições legais sobre o acesso à documentação classificada, quando for o caso. Qualquer consulta a documentação originalmente sigilosa – ainda que, por decurso de prazo e à luz da Lei de Acesso à Informação, tenha perdido seu sigilo – deverá ser prévia e expressamente solicitada pelo pesquisador.

Após aprovação da solicitação, o pesquisador será contatado para agendamento da data de visita aos arquivos, estando a permanência fixada em até uma semana (cinco dias úteis) em razão da grande demanda externa e interna.

Acessibilidade

Área de serviços

Serviços de pesquisa

Serviços de reprodução

Áreas públicas

Área de controle

Identificador da descrição

Identificador da entidade custodiadora

BR RJCDHI

Regras ou convenções utilizadas

Status

Final

Nível de detalhamento

Parcial

Datas de criação, revisão e obsolescência

Idioma(s)

  • português do Brasil

Sistema(s) de escrita(s)

Bibliografia e outras fontes utilizadas

Notas de manutenção

Pontos de acesso

Pontos de acesso

  • Cadastro Nacional de Entidades Custodiadoras de Arquivos (CODEARQ) (Thematic area)
  • Área de Transferência

Contato principal

Av. Marechal Floriano, 196 - Centro
Rio de Janeiro, Rio de Janeiro
BR 20080-005