Fundo/Coleção GK - Apolonio de Carvalho

Área de identificação

Código de referência

BR RJANRIO GK

Título

Apolonio de Carvalho

Data(s)

  • 1920 - 2005 (Produção)

Nível de descrição

Fundo/Coleção

Dimensão e suporte

Filmográfico(s) -disco(s) ótico(s) - dvd(s) - 1 item(ns)
Filmográfico(s) -fita(s) videomagnética(s) - 15 item(ns)
Iconográfico(s) -adesivo(s) - 1 item(ns)
Iconográfico(s) -cartão(ões)-postal(is) - 2 item(ns)
Iconográfico(s) -cartaz(es) - 7 item(ns)
Iconográfico(s) -cartazete(s) - 1 item(ns)
Iconográfico(s) -fotografia(s) - 315 item(ns)
Iconográfico(s) -gravura(s) - 1 item(ns)
Iconográfico(s) -negativo(s) fotográfico(s) - 10 item(ns)
Iconográfico(s) -sem especificação - 29 item(ns)
Sonoro(s) -fita(s) audiomagnética(s) - 26 item(ns)
Textual(is) -sem especificação - 2,66 m

Área de contextualização

Nome do produtor

(1912 - 2005)

Biografia

Nasceu em Corumbá, Mato Grosso, hoje Mato Grosso do Sul, em 9 de fevereiro de 1912.
Oficial de artilharia pela Escola Militar de Realengo (1933), fundador da Aliança Nacional Libertadora (1935) em Bagé e cidades próximas, preso (janeiro de 1936 a julho de 1937), participou da guerra civil espanhola como voluntário da República Popular (julho de 1937 a fevereiro de 1939), começando como tenente e chegando a coronel.
Mantido em campos de internamento por dois anos (1939-1941), na região dos Pirineus, lado francês, após a retirada do exército da Catalunha, evadiu-se, integrando-se em Marselha às forças da Resistência Francesa, nas quais atuou até agosto de 1944. Tenente-coronel das Forças francesas do Interior, condecorado pela França com a Legião de Honra, a Cruz de Guerra com Palma e a Medalha da Libertação.
Reintegrando-se ao Partido Comunista Brasileiro (PCB, 1946), dele se afastou (1967). Fundador do Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (PCBR, 1968), dele participou até 1978.
Preso (janeiro de 1979) e banido (junho de 1979), graças ao seqüestro do embaixador alemão Von Holleben, retornou com a Anistia (fins de 1979).
Um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores (1980), foi membro da Direção Nacional.
Faleceu em 23 de setembro de 2005, aos 93 anos, no Rio de Janeiro.

Entidade custodiadora

História arquivística

Doação realizada pela viúva Renée France L. de Carvalho em 24 de janeiro de 2012. Termo de entrega assinado e celebrado em 8 de fevereiro do mesmo ano. O termo de doação foi assinado em 4 de outubro e o extrato da doação foi publicado no Diário Oficial da União, n. 202, Seção 3, p. 116, de 18 de outubro de 2012 (processo n. 08060.000052/2012-25, em 14 de fevereiro de 2012).

Em 2013, a parcela textual do fundo foi selecionada pela Comissão Nacional da Verdade como de interesse para o seu objeto de estudo - exame das violações de direitos humanos. Incorporados ao projeto de Reformatação de Acervos do Arquivo Nacional de interesse para a Comissão Nacional da Verdade, os documentos foram, então, preparados para digitalização e "ocerização", receberam nova notação, nos moldes da Descrição Multinível Integrada, embora preservada a ordenação anterior. Os dossiês receberam o código de referência BR RJANRIO GK.0.TXT e foram numerados em ordem sequencial crescente. No campo 6.1.1.1 é possível recuperar a notação anterior e fazer a equivalência.

Procedência

Carvalho, Renée de - doação - 24/01/2012

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Correspondência, recortes de jornais, diplomas, textos, apontamentos, prontuários, condecorações, publicações sobre a participação do titular nas Brigadas Internacionais durante a Guerra Civil Espanhola, na Resistência Francesa durante a Segunda Guerra Mundial; a militância no Partido Comunista Brasileiro, no Partido Comunista Brasileiro Revolucionário e no Partido dos Trabalhadores. Integram o acervo rascunhos e originais do livro Vale a pena sonhar e de obras inacabadas e depoimentos e entrevistas concedidas a diferentes entidades.

Avaliação, seleção e temporalidade

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Organizado parcialmente

Organização
O acervo, ao ser doado, já havia sido identificado e organizado por uma arquivista contratada pela família, que agrupou o acervo textual e iconográfico por espécie e assunto, a saber: 150 anos do Manifesto Comunista; Aliança Nacional Libertadora, a luta armada, a Esquerda armada; Apontamentos, textos e artigos do titular; Asas do Tempo; Correspondência (ordenada em ordem alfabética pelo sobrenome do autor, quando pessoa física, e pela ordem direta, quando entidade); Diversos; Documentos Pessoais; Entrevistas, depoimentos e reportagens; Folhas ao Vento (projeto de um livro ainda inédito); Homenagens; Iconografia; Las Brigadas Internacionales; Novos Rumos (coletânea da coluna Teoria e Prática assinada pelo titular e publicada na revista Novos Rumos); Partido dos Trabalhadores; Publicações; Recortes de jornais e revistas; Resistência Francesa; Vale a pena sonhar (livro da autoria do titular).

Ao entrar no Arquivo Nacional, em 2012, a documentação foi identificada tomando-se por base a ordenação anterior e mantendo-a agrupada pelos assuntos já estabelecidos e tendo como notação lógica o número da caixa e da pasta. Contudo, foram feitas alterações na ordenação cronológica, quando necessário, e em dossiês classificados de forma equivocada.
Os documentos escritos (dossiês por assunto) são ainda considerados identificados. A subsérie Depoimentos da série Documentos sonoros é tida como organizada.

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Com restrição - Acessível por meio eletrônico
Observações
Documentos textuais e sonoros.

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

  • espanhol
  • francês
  • português do Brasil

Forma de escrita do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de pesquisa

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação Geral de Processamento e Preservação do Acervo. Coordenação de Documentos Audiovisuais e Cartográficos. Equipe de Documentos Iconográficos. Fundo Apolonio de Carvalho (GK): instrumento provisório dos documentos iconográficos. Rio de Janeiro, jun. 2014. 21p. - Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação Geral de Processamento e Preservação do Acervo. Fundo Apolonio de Carvalho (GK): catálogo de documentos sonoros, Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2013. 15 p. - Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação Geral de Processamento e Preservação do Acervo. Fundo Apolonio de Carvalho (GK): instrumento provisório dos documentos textuais e iconográficos. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2012. 82 p. (obsoleto) - Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação Regional no Distrito Federal. Base de dados
(DSpace). s/d. (ativa em abr. 2011). Nota: Acesso presencial no Rio de Janeiro e em Brasília. - Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Sala de leitura virtual (em Windows 7). Org. por equipes da Coordenação de Tecnologia da Informação, Coordenação-Geral de Preservação e Processamento Técnico do Acervo e Coordenação Regional no Distrito Federal. Rio de Janeiro, out.-nov. 2013. Nota: Acesso presencial no Rio de Janeiro e Brasília. - Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Sistema de Informações do Arquivo Nacional - SIAN (base de dados). Rio de Janeiro, 2001-... - Não definido

Área de fontes relacionadas

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Na Instituição
mídia digital

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Área de notas

Nota

Dimensões
Dimensões por ocasião da digitalização: 37.240 páginas (cf. Relatório de status 25 mar. 2014), que resultaram em 37.240 matrizes e 460 derivadas.

Nota

Outras
Mídia digital contém cópias atinentes ao material sonoro: dois CDs.

Nota

Responsável da descrição
Debora Pereira Crespo

Nota

Unidade Custodiadora
Coordenação de Documentos Escritos - CODES

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso

Ponto de acesso - assunto

Pontos de acesso - local

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso - gênero

Área de controle da descrição

Identificador da descrição

Identificador da entidade custodiadora

BR RJANRIO

Regras ou convenções utilizadas

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Digitalização de acervos de interesse da Comissão Nacional da Verdade: relatório de status, atualizado em 25 de março de 2014. 7 p. -Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Digitalização de acervos de interesse da Comissão Nacional da Verdade: relatório de status, atualizado em 27 de maio de 2014. 7 p. -Não definido

Status

Final

Nível de detalhamento

Parcial

Datas de criação, revisão, eliminação

Idioma(s)

  • português do Brasil

Sistema(s) de escrita(s)

Bibliografia e outras fontes utilizadas

Nota do arquivista

Crédito
Equipe Técnica: Beatriz Moreira Monteiro – supervisora; Aline Camargo Torres; Ana Lúcia Jatahy Messeder; Antonio Henrique Campello de Souza Dias; Leonardo Augusto Silva Fontes; Mariza Ferreira de Sant’Ana.

Colaboradores: Diego Barbosa da Silva; Marco André Balloussier Ancora da Luz.

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados

Lugares relacionados