Print preview Close

Showing 1027 results

Archivistische beschrijving
Only top-level descriptions
Print preview View:

32 results with digital objects Show results with digital objects

Delegacia de Ordem Política e Social do Espírito Santo

  • BR ESAPEES DES
  • Fundo/Coleção
  • 1934 - 1989

O acervo é constituído por correspondências recebidas e expedidas por órgãos da Secretaria de Segurança Pública,
assim como, ordens de serviços, relatórios, ofícios internos e externos, informes, radiogramas, encaminhamentos,
pedidos de busca, protocolos de envio/recebimento de informações. Contém ainda, requerimentos, atestados de
conduta de ideologia política, depoimentos, inquéritos policiais, fotografias, jornais, recortes de jornais, livros, cartazes e
panfletos. Bem como dossiês referentes à investigação de pessoas, instituições públicas e privadas, partidos políticos,
sindicatos, organizações clandestinas, manifestações, atos públicos, eventos, eleições, movimentos grevistas e
estudantil, organizações religiosas, Aliança Nacional Libertadora e Ação Integralista Brasileira, além de fichas policias de
Identificação contendo informações sobre indivíduos, instituições, investigações, eventos, municípios, entre outras.

Delegacia Especializada de Ordem Política e Social (Espírito Santo)

Departamento de Ordem Política e Social de Goiás

  • BR GOUFG DGO
  • Fundo/Coleção
  • 1970-1985

O presente fundo refere-se a produção documental de um mesmo órgão que teve três nomenclaturas diferentes, Serviço Estadual de Informações, Divisão de Segurança e Informações e Divisão Central de Informações. Sua criação é decorrente de uma reestruturação da Secretaria de Estado da Segurança Pública de Goiás em 1969, disposta por meio do decreto-lei nº 84 de 28 de novembro de 1969 e regulamentada pelo decreto nº 266 de 11 de novembro de 1970, que, dentre outras, altera sua finalidade e, cria novos departamentos e seções, sendo uma delas o Serviço Estadual de Informações - SEI. A finalidade passa a ser a “preservação e manutenção da ordem pública e segurança interna, e pelos serviços de polícia em geral, em todo território do Estado”.

Quanto a criação de novos departamentos e seções, sob o foco desta descrição, cabe citar a criação do Departamento de Polícia de Ordem Política – DPOP, ao qual é hierarquicamente criado o Serviço Estadual de Informações - SEI. Tal departamento tinha como finalidade “prevenir e reprimir os atos que atentem contra a Segurança Nacional, a organização político-partidária, a legislação eleitoral e as instituições nacionais; acompanhar as atividades dos setores que possam ocasionar perturbações da ordem constituída; superintender e coordenar as atividades de informações e contra-informações, especialmente as que digam respeito à segurança interna.”. O Departamento foi criado como estrutura superior à já existente Delegacia de Ordem Política e Social - DEOP a qual, por sua vez, passou a denominar-se Delegacia Estadual de Ordem Política - DOP

Além desta delegacia e a SEI, o DPOP era composto por outras divisões e estruturava-se da seguinte forma: Diretoria, compreendendo a Secretaria; Delegacia de Ordem Política e Social – DOP; Delegacia Estadual de Controle de Armas, Munições e Explosivos – DECAME; e o Serviço Estadual de Informações – SEI.

Neste primeiro momento, o Serviço Estadual de Informações – SEI tinha como competência “superintender e coordenar, em todo território do Estado, os serviços e atividades de informações e contra-informações, especialmente as que dizem respeito à segurança interna, bem como estabelecer e assegurar estreito intercâmbio com os demais órgãos e serviços congêneres oficiais de todo os país”. Estava subdivido em quatro seções: seção de busca, seção de difusão, seção de contra-informações e assistência policial-militar. Mantém-se com esta denominação, SEI, até 1973 quando passou a denominar-se Divisão de Segurança e Informações - DISI conforme a lei n° 7.639, alteração que não modificou suas atribuições.

Mais adiante em 1976 passa a denominar-se Divisão Central de Informações – DCI de acordo com o decreto nº 1121 e 1122 de 29 de novembro, também neste momento, o então DPOP, passa a denominar-se Departamento de Ordem Política e Social – DOPS. Neste caso permanecem as atribuições e competências, mas é criada uma nova seção denominada 'seção de arquivos' e são alteradas as denominações da 'seção de difusão', que passa a ser 'seção de informações e difusão', e da 'seção de contra-informações e assistência policial-militar' que passa ser 'seção de contra-informações'. Até a data de sua extinção permanece com esta denominação, atribuições, competências e estrutura, sendo assim ao longo de sua existência, aproximadamente 18 anos, foi denominado durante aproximadamente 11 anos como DCI, configurando assim a identificação mais adequada ao fundo.

Considerando que até a presente descrição não foram encontrados documentos dispositivos, como leis ou decretos, que tratem da estrutura e funcionamento da Secretaria de Segurança Pública e/ou do Departamento de Ordem Política e Social que disponham sobre extinção deste Departamento e suas Divisões, definimos como marco de suas extinções e consequentemente da Divisão Central de Informações, a Lei nº 10.160 de 09 de abril de 1987, uma vez que nela o DOPS já não consta na estrutura do Secretaria de Segurança Pública. Sendo assim, até maiores informações, fica definido para presente descrição que a extinção do órgão produtor deste fundo é o ano de 1987.

Departamento de Polícia de Ordem Política (GO). Divisão de Segurança e Informações

Arthur da Silva Bernardes

  • BR MGAPM AB
  • Fundo/Coleção
  • 1898 - 1975

O acervo textual é composto por correspondências e telegramas de natureza pessoal e política, relatórios administrativos, documentos pessoais, pareceres, processos, projetos de lei, estudos sobre nacionalização, resoluções, dossiês diversos, artigos de jornais, discursos, monografias, panfletos, volantes, folhetos e revistas. A documentação trata de diversos assuntos, tais como: negócios, impostos, colégio dos filhos, campanha política, governo, revoltas, revoluções e campanha nacionalista.
As fotografias retratam a vida familiar, a trajetória política e as comemorações do centenário de seu nascimento. Os filmes retratam: viagem do Presidente Arthur Bernardes ao Rio em campanha política, sua posse na Presidência da República, recepção ao Príncipe herdeiro da Itália, viagem do Príncipe à Bahia, posse do Presidente Mello Vianna à Presidência do Estado de Minas e banquete oferecido ao presidente do Chile no Copacabana Palace, no Rio de Janeiro.

Bernardes, Arthur da Silva

Carlos Coimbra da luz

  • BR MGAPM CL
  • Fundo/Coleção
  • 1909 - 1980

Acervo arquivístico : projetos da Câmara dos Deputados, regimento, atas do Conselho Superior das Caixas Econômicas Federais, discursos (rascunhos), relatórios do titular sobre a Caixa Econômica, Secretaria de Agricultura, despachos e atos publicados, recortes de jornais e revistas brasileiras, carreira política, formatura, colação de grau, posses em cargos públicos. Documentos pessoais, diplomas e correspondência.

Luz, Carlos Coimbra da

Associação Brasileira de Imprensa

  • BR RJABI ABI
  • Fundo/Coleção
  • 1918 - 2008

Livros de atas da Diretoria (1918-2004); livros do conselho Administrativo (1926-1997); livros de presença às reuniões da Diretoria e do Conselho; Boletim da ABI (1952-2008); biografias de escritores e jornalistas; documentos do Cineclub Macunaíma, que exibia filmes significativos da produção cinematográfica nacional e estrangeira, recortes de jornais, manuscritos e artigos sobre censura e anistia; convites e propagandas de eventos; recortes de jornais sobre programas de televisão; reportagens “de” e “sobre” jornalistas, escritores, diretores, fotógrafos, atores e atrizes; reportagens sobre filmes; recortes de jornais sobre importantes questões políticas brasileiras.

Associação Brasileira de Imprensa

Academia Brasileira de Letras

  • BR RJABL ABL
  • Fundo/Coleção
  • 1896 - 2009

Documentos originais da criação da ABL, como os estatutos e regimento interno; atas das sessões ordinárias e de posse de acadêmicos e de diretoria (desde Machado de Assis até os dias atuais); documentos sobre o inventário de Francisco Alves de Oliveira, legando seus imóveis à ABL; documentos sobre a doação do Petit Trianon pelo governo francês e sobre a doação dos terrenos pela União; construção do Palácio Austregésilo de Athayde e do Centro Cultural do Brasil; depoimentos dos acadêmicos; fotografias dos eventos, incluindo-se as posses de novos acadêmicos e da diretoria, bem como de lançamento de livros e inauguração de exposições; correspondências em geral, com destaque para os pedidos de inscrição para preenchimento de vagas; documentos setoriais e de diretoria etc.

Academia Brasileira de Letras

Associação Comercial do Rio de Janeiro

  • BR RJACRJ ACRJ
  • Fundo/Coleção
  • 1865 - 2007

Associação Comercial do Rio de Janeiro – Atas de Sessões de Diretoria (década de 1940 – 2007, com lacunas) e do Conselho Diretor (1881 – 2007); atas do Conselho Superior; ata de Reunião da Grande Emissão das Classes Conservadoras e Produtoras; correspondência diversa, inclusive com o Governo Federal e com o governo do Distrito Federal; documentação da diretoria (século XIX); documentação jurídica; plantas arquitetônicas urbanas; documentos referentes a edificações pertencentes á ACRJ; livro de visitas de pessoas ilustres; livros de recibo; estatuto da Federação das Associações Comerciais do Brasil; livros sobre conferências de comércio exterior; certidões oficiais; livros-diário (1902-1956 e 1889-2005); comprovantes de lançamento (1958 -1988); comprovantes de pagamento (décadas de 1960 e 1970); recibos de pagamento (1986 a 2006); livro de registro de funcionários; livros de razão individual, de razão (individual, balancete e Patrimônio), de balanço de verificação e balanço geral (de 1960 à 2007); relatórios da ACRJ (1865 – 2007); coleções do Boletim (1904 – 2007, com lacunas) e da Revista da Associação Comercial do Rio de Janeiro (1911 – 2007, com lacunas). Sociedade do Asilo dos Inválidos da Pátria – requerimentos e pensões pagas aos veteranos da Guerra do Paraguai e seus familiares (documentação até o séc. XX).

Associação Comercial do Rio de Janeiro

Associação dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro

  • BR RJAECRJ AEC
  • Fundo/Coleção
  • 1930 - 2007

Exemplares de Notícias AEC, periódico trimestral com reportagens sobre política, entretenimento, festivais etc. (9/1969 a 1/1971; 2/1973 a 3/1985 e publicação única do 2° semestre de 2007); 2 bustos masculinos de bronze; ponta de mastro de bandeira; pequena estatueta com símbolo presente no brasão da Associação; estojo de prata com ferramentas que serviram na construção da sede social; placa recebida oferecida pelo Clube dos Sargentos do Corpo de Bombeiros à AEC em lembrança do primeiro aniversário do Clube (2/7/1959); 4 medalhas; estojo com balança e medidores; caravela em miniatura ofertada à AEC por uma associação portuguesa; estatueta de soldado; medalha ofertada à AEC pela Associação dos Empregados no Comércio de Lisboa por ocasião do 1º centenário desta última; placa de bronze afixada no auditório da biblioteca (inaugurada em 21 de abril de 1932) em memória a Tiradentes, que se escondera das autoridades coloniais no local onde hoje é o prédio da AEC – RJ; placa de pedra-sabão, afixada no corredor do 13° andar, homenageando a fundação da AEC-RJ.

Associação dos Empregados no Comércio do Rio de Janeiro.

Floriano Vieira Peixoto

  • BR RJAHI FP
  • Fundo/Coleção
  • 1893 a 1939

A documentação contém informações referentes à Revolta da Armada iniciada no dia 6 de setembro de 1893 e chefiada pelos almirantes Custódio de Mello e Saldanha da Gama. O acervo retrata a questão diplomática da revolta, devido à presença de navios estrangeiros no Rio de Janeiro e as posições e medidas tomadas pelos seus respectivos governos. A posição dos Estados Unidos, favorável ao governo do titular, também é abordada no acervo documental.

Peixoto, Floriano Vieira

Academia Nacional de Medicina

  • BR RJANM ANM
  • Fundo/Coleção
  • 1829 - 1999

Livro de atas das sessões preparatórias (1829-1833); livros de atas de sessões ordinárias (1835-1864, 1917, 1937-1971, 1977-1999); livros de atas de sessões secretas (1939-2004); livros de atas das reuniões da Diretoria (1954-1985, 1987-2000); livro de atas das reuniões da Seção de Cirurgia (1973-1995); livro de atas das reuniões da Seção de Farmácia (1974-1978); livros de atas das reuniões da Seção de Medicina Especializada (1947-1973, 1976-1978); livro de atas das reuniões da Seção de Medicina Geral (1975-1996); livro de atas das sessões especiais (1978); livro de atas do Conselho Administrativo (1941-1942, 1944, 1947-1954, 1968-1990); livro de atas de Assembléias Gerais (1947-1958); livros de presença (1970-1988); livro de presença das sessões extraordinárias (1941-1945, 1954-1970, 1988-1991, 1995-1999); livro de inscrições de candidatos à Seção de Cirurgia (1946-1979); livro de inscrições de candidatos à Seção de Medicina(1946-1979); livro de inscrições de candidatos à Seção de Ciências Aplicadas à Medicina (1952-1978); Livro de registro das eleições de membros (1829-1985); livro do Corpo Acadêmico (1885); livro dos patronos; livro dos prêmios acadêmicos; certificados e correspondências; Revista Médica Fluminense (1835-1840); Revista Médica Brasiliense (1841-1847); Anaes de Medicina Brasiliense (1848-1849); Anaes Brasilienses de Medicina (1850-1886); Anaes da Academia de Medicina (1887-1888); Anaes da Academia Nacional de Medicina (1889-1893); Anaes da Academia de Medicina do Rio de Janeiro (1894-1917); Boletim da Academia Nacional de Medicina (1918-2008); vídeos de reuniões festivas, solenidades e visitas de personalidades políticas; áudio de sessões (1995-1999).

Academia Nacional de Medicina

Administração do Porto do Rio de Janeiro

  • BR RJANRIO 01
  • Fundo/Coleção
  • 1903 - 1950

Documentação de pessoal: folhas de pagamento de diaristas e mensalistas de várias seções, oficinas e armazéns. Documentação contábil-financeira, administrativa e, em volume reduzido, técnica.

Administração do Porto do Rio de Janeiro

Gaston Luis do Rego Monteiro

  • BR RJANRIO 02
  • Fundo/Coleção
  • 1926 - 1984

Diplomas, correspondência, processo do Tribunal de Segurança Nacional, publicações (revista Anauê) e outras de autoria de Plínio Salgado, recortes de jornais, diários oficiais e jornais.

Monteiro, Gaston Luis do Rego

Alfândega da Bahia

  • BR RJANRIO 03
  • Fundo/Coleção
  • 1707 - 1828

Contratos, alvarás, ordens, editais, provisões, avisos, portarias, despachos sobre regimento dos oficiais da Alfândega da Bahia, condições de funcionamento da Companhia de Macau, privilégios e licenças para o comércio com os portos da Ásia e África, principalmente resgate de escravos na África, disposições referentes a navios estrangeiros (instruções, sentenças, penas, proibições etc.), movimento do porto (construções, consertos, carga/descarga etc.), cobrança, redução ou isenção de direitos alfandegários sobre sabão, tecidos, secos e molhados, tabaco, escravos etc., rendimento do dízimo, confiscos e apreensões de gêneros e embarcações, vistorias, controle de contrabandos, observância de leis do Tratado de Navegação e Comércio (Portugal/Inglaterra), medidas alfandegárias para navios ingleses, compra da capitania do Espírito Santo pela Coroa.

Alfândega da Bahia

Departamento Nacional de Obras de Saneamento

  • BR RJANRIO 04
  • Fundo/Coleção
  • 1936 - 1990

Projetos e relatórios de obras de irrigação e saneamento em diversos municípios, prontuários de servidores, correspondência administrativa e documentação contábil-financeira. A maioria dos documentos técnicos identificados são impressos e apresentam diversos volumes contendo estudos pluviométricos, cálculos hidrográficos e especificações estruturais.
Plantas, diapositivos e fotografias de obras em diversos municípios.

Departamento Nacional de Obras de Saneamento (Brasil)

Fazenda Pau Grande

  • BR RJANRIO 05
  • Fundo/Coleção
  • 1771 - 1941

Escrituras, recibos, correspondência, formal de partilha, inventários referentes aos proprietários e a administração da fazenda.

Avelar Filho, Joaquim Ribeiro

Empresa Brasileira de Radiodifusão

  • BR RJANRIO 06
  • Fundo/Coleção
  • [1970? -1985?]

Material exibido na televisão, retratando, entre outros temas, a vida política nacional e material internacional, produzido por agências de notícias estrangeiras, como a United Press Independent Television News.

Empresa Brasileira de Radiodifusão

Luiz da Silva Oliveira

  • BR RJANRIO 07
  • Coleção
  • 1937 - 1945

Fotocópias de plantas relativas a projetos de urbanização da cidade do Rio de Janeiro, produzidas pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

Oliveira, Luís da Silva

Resultaten 121 tot 140 van 1027