Fundo/Coleção RH - Luís Viana Filho

Área de identificação

Código de referência

BR RJANRIO RH

Título

Luís Viana Filho

Data(s)

  • 1914 - 1981 (Produção)

Nível de descrição

Fundo/Coleção

Dimensão e suporte

Textual(is) -sem especificação - 2,38 m

Área de contextualização

Nome do produtor

(1908 - 1990)

Biografia

Luís Viana Filho, político e escritor brasileiro, nascido em Paris em 28 de março de 1908 e falecido em 1990, era filho do conselheiro Luís Viana. Diplomou-se em Direito no ano de 1929, pela Faculdade de Direito da Bahia. Exerceu o jornalismo como redator do Diário da Bahia (1925) e A Tarde (1929), em Salvador. Ingressou na política atuando na ação autonomista, elegendo-se para a Constituinte Bahiana em 1935. Elegeu-se deputado constituinte em 1945. Reelegeu-se sucessivamente até 1966. Ligou-se ao movimento de 1964, tendo exercido a chefia da Casa Civil do Presidente Castelo Branco (1964 a 1966) e ocupado interinamente, por um mês, o cargo de ministro da Justiça (1966). Em 1967, assumiu o cargo de governador da Bahia, que ocupou até 1971. Elegeu-se senador em 1974. Ingressou na Academia Brasileira de Letras em 1954. Publicou várias obras, entre as quais O governo Castelo Branco (1975).

Entidade custodiadora

História arquivística

Há informações sobre pelo menos duas entradas: uma primeira, no exercício de 1976 (cf. Relatório de atividades) e outra em 19 de julho de 1984, pelas mãos de Plínio Doyle.
O fundo recebeu, anteriormente, o código AP 17.
Em 2014, a parcela textual do fundo foi selecionado pela Comissão Nacional da Verdade como de interesse para os estudos sobre violações de direitos humanos no Brasil. Os procedimentos de digitalização dos documentos e \"ocerização\" foram então integrados ao Projeto de Reformatação de Acervos do Arquivo Nacional de interesse para a referida Comissão. As imagens digitais foram disponibilizadas ao público a partir de agosto de 2014.

Procedência

Silva, Plínio Doyle - 1984 - doação - 1

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Agendas, anotações, exemplares e recortes de jornais, relatórios, revistas, correspondência, memoriais, currículos, fotografias etc. O conteúdo do fundo reflete, principalmente, a atividade literária do titular e seus entendimentos com autoridades civis e militares, visando obter dados para a execução da sua obra O governo Castelo Branco, publicada em 1975.

Avaliação, seleção e temporalidade

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Organizado totalmente

Organização
Em 2014, a documentação foi preparada para ser digitalizada e ocerizada e recebeu uma nova notação de acordo com a Descrição Multinível Integrada.

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Com restrição - Acessível por meio eletrônico
Documentos textuais digitalizados (ago 2014).

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

  • português do Brasil

Forma de escrita do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de pesquisa

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Coordenação Regional no Distrito Federal. Base de dados (DSpace). s/d. (ativa em abr. 2011). Nota: Acesso presencial no Rio de Janeiro e em Brasília. - Não impressos

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Luís Viana Filho: relação de documentos por caixa. Rio de Janeiro, 2000. 40 p. dig. - Não impressos

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Sala de leitura virtual (em Windows 7). Org. por equipes da Coordenação de Tecnologia da Informação, Coordenação-Geral de Preservação e Processamento Técnico do Acervo e Coordenação Regional no Distrito Federal. Rio de Janeiro, out.-nov. 2013-2016. Nota: Acesso presencial no Rio de Janeiro e Brasília até 2 agosto de 2017. - Não impressos

Área de fontes relacionadas

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Outros Detentores
Comissão de Anistia (Brasil)
Ministério Público Federal (São Paulo)

Unidades de descrição relacionadas

Fundo/Coleção BR RJANRIO U3 - Secretaria de Imprensa e Divulgação da Presidência da República

Nota de publicação

VIANA FILHO, Luís. O governo Castelo Branco. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1975. 571 p. - Impressos, em livros e folhetos

Área de notas

Nota

Data
A data indicada é o somatório da data de produção com a data-assunto.

Nota

Dimensões
O Projeto de Reformatação resultou em 13720 páginas.
Em 27 de novembro de 2014, constatou-se, após verificação, um erro de informação referente a fotografias neste acervo, cujo quantitativo indicado (754) era, de fato, atinente ao fundo Luis Mendes da Silva. É possível que o erro de anotação tenha ocorrido em 2006 (a confirmar) e tenha passado desapercebido por todo esse tempo.

Nota

Outras
Cópias encaminhadas, a pedido, à Comissão de Anistia e ao Ministério Público em São Paulo, entre outubro e dezembro de 2018 (ver Bibliografia).

Nota

Responsável da descrição
Cyntia Mendes Aguiar

Nota

Unidade Custodiadora
Coordenação de Documentos Escritos - CODES

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso

Ponto de acesso - assunto

Pontos de acesso - local

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso - gênero

Área de controle da descrição

Identificador da descrição

Identificador da entidade custodiadora

BR RJANRIO

Regras ou convenções utilizadas

CONSELHO NACIONAL DE ARQUIVOS (Brasil). NOBRADE: Norma brasileira de descrição arquivística. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2006. 124 p

Status

Final

Nível de detalhamento

Completo

Datas de criação, revisão, eliminação

Idioma(s)

  • português do Brasil

Sistema(s) de escrita(s)

Bibliografia e outras fontes utilizadas

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Relatório das atividades no exercício de 1976. MAN: Mensário do Arquivo Nacional, ano 8, n. 2, p. 1-75, fev. 1977. -Impressos, em periódicos

ARQUIVO NACIONAL (Brasil); COMISSÃO DE ANISTIA. Acordo de cooperação técnica. Rio de Janeiro, 5 out. 2018. Diário Oficial da União, n. 197, Seção 3, p. 111, 11 out. 2018. -Não definido

ARQUIVO NACIONAL (Brasil); MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL (São Paulo). Correspondência. 2º sem. 2018. -Não impressos

Nota do arquivista

Crédito
Equipe do Projeto da Comissão Nacional da Verdade:
Beatriz Silva Moreira; Bianca Lessa Meireles; Cristine Cabral; Eduardo Seabra; Fabíula Maria Garcia Machado; Isaías Silvino; Janaína de Souza Estevão; Joyce Lima de Azevedo;
Marcela Lucia Castro; Maria da Graça Estela de Souza; Marlos Marconi; Nayara Costa dos Santos Azevedo; Priscila Lessa;
Rita de Cássia Cruz Miranda; Rosilda Chaves de Oliveira;
Sonaly Raiany Vidal da Silva; Viviane de Azevedo Magalhães

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados

Lugares relacionados